Sign In

   

Publicado o edital de licitação do Complexo Anhembi

7Fev2019Feb7,2019
Infraestrutura e Energia

​Em 7.2.2019, a Prefeitura do Município de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Desestatização e Parcerias, publicou o edital de licitação para a alienação de ações de titularidade do Município de São Paulo no capital social da São Paulo Turismo S.A. (SPTuris), atual proprietária do Complexo Anhembi.

Os interessados poderão consultar o Edital, a minuta do Contrato de Compra e Venda de Ações e respectivos Anexos no endereço eletrônico da Secretaria de Desestatização e Parcerias. Os envelopes contendo a proposta comercial e os documentos de habilitação deverão ser entregue das 10h às 13h no dia 2 de abril de 2019 na sede da B3. A sessão pública do Leilão acontecerá no dia 9 de abril de 2019, às 10hrs, também na sede da B3.

Seguem abaixo os principais pontos do projeto:

Objeto. Alienação integral das ações detidas pelo Município de São Paulo na SPTuris. A minuta do Contrato de Compra e Venda de Ações destaca entre os ativos da SPTuris a propriedade do Complexo Anhembi, cuja área total representa aproximadamente 400 mil m².

Critério de Julgamento. A licitação adotará como critério de julgamento o maior valor a ser pago pelo lote único de ações, cujo valor mínimo estipulado é de R$ 1.007.000.000,00 (um bilhão e sete milhões de reais).

Participação. Poderão participar do leilão as empresas brasileiras ou estrangeiras, instituições financeiras e fundos de investimentos em participações (FIPs), atuando isoladamente ou em consórcio.

Obrigações. O novo controlador da SPTuris deverá ceder a área do Sambódromo ao Município de São Paulo para a realização de eventos de Carnaval, eventos religiosos e outros, a serem acordados entre o Poder Executivo e o novo controlador. A cessão do espaço do Sambódromo ao Município está limitada a 75 dias por ano, consecutivos ou não, não cumulativos.

Ver publicações da área